Read more

Poder em dose quíntupla de Claudio Willer

  Aos 77 anos, bem agora em janeiro, Willer publica 5 livros por conta própria – contando histórias sobre a poesia de amigos de primeira grandeza Por Mauricio Bonas* Passeando entre as neblinas que Milan Kundera ensina dividirem sonho de vigília, naquela hora da manhã em que nada se acordou em mim mas por algum […]

Read more

O poeta que roubava livros e outras histórias imperfeitas

  Por Carlos Machado* Conta-se que o poeta espanhol Juan Ramón Jiménez, Prêmio Nobel de 1956, em dado momento chegou à conclusão de que alguns de seus primeiros poemas publicados não estavam à altura de seu talento. Rigoroso, perfeccionista, Jiménez decidiu varrer aqueles versos de sua biografia. Tentou, então, eliminar todos os exemplares de seus […]

Read more

Belchior, abraçado com a poesia

  Por Carlos Machado* A música popular brasileira perdeu, dias atrás, seu compositor mais explicitamente comprometido com a poesia: o cearense Belchior. Não me refiro aqui apenas à alta qualidade dos textos criados por ele para suas canções, mas também à poesia que está nos livros e ele, como nenhum outro, trouxe para suas letras. […]

A Gravidade Zero de David Bowie Read more

A Gravidade Zero de David Bowie

  “Gravidade Zero” é o novo livro de poemas do escritor Alexandre Guarnieri, ganhador do Prêmio Jabuti em 2015 e um dos editores da revista eletrônica Mallarmargens. A obra, em lançamento pela editora Penalux, é um tributo a David Bowie, que deu vida ao astronauta Major Tom nas canções “Space Oddity”, “Ashes to Ashes” e […]

Read more

Poeta Sergio Blank tem obra completa relançada

  A terceira edição do livro “Os Dias Ímpares” será recebida com encontro literário que reúne leitores do poeta Sergio Blank em bate-papo e sarau dia 15/2 em Vitória (ES). A “Noite dos Dias Ímpares” ocorre a partir das 19h no Gappino, centro da cidade. Afastado do meio literário por anos devido a problemas de […]

Read more

Poetas de um lado, letristas do outro?

    Por Carlos Machado* O prêmio Nobel oferecido a Bob Dylan ocasionou inflamadas discussões. No meio da saraivada de opiniões pró e contra a Academia Sueca, subiu à tona outra polêmica, antiga mas não resolvida: letra de canção é poema? A questão é simples somente na aparência. De saída, não se trata apenas de […]

Carlos Drummond de Andrade Read more

Drummond, José e a síndrome do migrante

O poeta, que escreveu “Minas não há mais”, depois afirmou: Minas há, sim. Em seu aniversário de 114 anos, peço vênia e discordo Por Carlos Machado * “Minas não há mais”, sentenciou Carlos Drummond de Andrade em diálogo (ou solilóquio?) com seu brasileiríssimo e universal José, num poema publicado em 1942. Naturalmente, o tímido e arredio […]